sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Por entre “EnXaras e SoCORROs”

Volta combinada, volta efectuada. Então quando mete almoço… UI… - E se for com o César? - Aí nem se fala! (Já para não dizer, que era na Serra do Socorro).
- Bem, daqui a bocado ainda me estendo …E mais as “larachas”…
Começou mal a nossa volta pela primeira etapa da “Rota dos Castelos”. Começou mal, porque, logo após o nosso encontro na estação de metro da Pontinha, e quando nos abeirávamos da estrada para encetar o trajecto, fomos testemunhas de um acidente de viação que envolveu um ciclista, mesmo ali, junto à praça. Fomos de imediato para junto do nosso “colega” que no chão, contorcia-se com dores. Ao abordar a curva, envolveu-se com um ligeiro de mercadorias, e só por “ milagre” não foi pisado pelo rodado traseiro deste. O trânsito ficou imediatamente caótico, mas por sorte passava um veículo dos Bombeiros que desde logo veio prestar auxílio ao sinistrado, tratando de chamar uma ambulância para o transportar ao hospital. – As melhoras, João.
Passado este episódio, seguimos o nosso caminho, que, via Odivelas nos levaria a Olival Basto e à convergência com o track da “Rota”.
Depois de Frielas tentámos fazer a abordagem ao Vale de Loures pelo pantanal, mas fomos forçados a abortar, já que este estava intransitável a partir de certa fase. Mesmo assim ainda tivemos uns “diálogos” interessantes com a lama e com o barro, tão peculiares por estas bandas e com os quais já me tinha debatido arduamente, quando por lá andei em Dezembro ultimo, a confirmar os trilhos definitivos da R. dos C.
Demos meia volta e seguimos por outra alternativa. Mais lama menos lama (as chuvas fizeram efeito), fomos subindo pelas aldeias serpenteando a A8 em direcção a norte. Aguardavam-nos algumas (boas) dificuldades, de que destaco a subida ao Cabeço de Montachique. - Missão cumprida. Com maior ou menor dificuldade, lá seguimos caminho.
À primeira combinação para o almoço, já tínhamos feito um avanço de meia hora para mais, pois as dificuldades ainda seriam muitas.
Mais um cume, mais um moinho, um single track ou uma descida técnica (realmente esta etapa, não é fácil), desembucámos na Enxara dos cavaleiros, que rapidamente nos levaria a São Sebastião e à casa do César, onde julgávamos que estivesse, de forma a carregarmos as bikes na sua “fritadeira” para as subir até à dona Fátima, no cocuruto da Serra do… Socorro!!!
Ficava, por motivos óbvios, adiada a ideia inicial de chegar a Torres Vedras, onde termina o primeiro degrau desta ligação ao Caminho Português de Santiago.
Como não conseguíamos contactar o nosso anfitrião (coisinha habitual), não tínhamos outro remédio que não precipitarmo-nos para a íngreme subida de empedrado, que nos levaria até ao monte onde o almoço nos aguardava.
Conhecendo eu o “homem”, parecia de propósito (Ah, vais subir, vais!). Quando o telefone finalmente tocou, como resposta às nossas chamadas, já estávamos bem lançados na subida.
- Estou na Enxara, já vou para aí, e já vos apanho. (dizia)
Já que é assim, cá vai. – E fui! Fui subindo tal monte, até ao pico. Logo a seguir apareceu o nosso “guru” das peregrinações acompanhado por um amigo (o Victor).
Depois … Depois, Almoçámos! Tá tudo dito!
Ainda há mais! Num Post perto de si…

LINK do Trilho: http://www.wikiloc.com/wikiloc/view.do?id=305592

“Aguardem Rios”

3 comentários:

jabas disse...

Bela volta e convívio! Fiquei ruído de inveja de não estar convosco, mas haverá outras oportunidades. Já percebi que foram à pastelaria que fomos na famosa volta da lama, junto ao comboio. Quanto à subida, tenho a sensação que essa história de montarem as bikes na fritadeira e subirem o socorro, cheira-me a invenção da parte no nés (do nosso amigo limpa-matas ainda acredito, dada a sua fase de desfrutopausa). ;) Deserto estavas tu de fazer essa subida...lol

HUTCH disse...

A ideia inicial devia ter sido um objectivo primordial. Ainda por cima nesta altura de foliões e matrafonas, não sabes o que perdeste!!!!
Um grande abraço

João Galvão e Ricardo Rosa disse...

Amigo jabas!
Haverá certamente milhões de oportunidades...
P'rá frente é q é CAMINHO!
Desforras-te na Páscoa... É já ali!
Hutch!
Vamos falar de coisas realmente importantes!
Quando é que te juntas à "GENTE"?...LOL...LOL
Abraços e, BONS COMENTÁRIOS!!!